Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/5404
Tipo do documento: Dissertação
Título: Geograficidades, urbanidades rurais e campesinidade no modo de vida dos moradores da Comunidade de Santa Maria de Vila Amazônia (Parintins/AM)
Autor: Tavares, Anderson de Souza 
Primeiro orientador: Nogueira, Amélia Regina Batista
Resumo: O presente trabalho teve por base a pesquisa realizada na comunidade de Santa Maria de Vila Amazônia, situada na zona rural do município de Parintins. A pesquisa teve por objetivo principal compreender como os moradores da comunidade de Santa Maria de Vila Amazônia percebem e concebem seu espaço vivido ante às transformações ocorridas na infraestrutura da comunidade. Além disso, como objetivos secundários, buscou-se entender como se mantém a campesinidade entre os moradores da comunidade considerando as mudanças ocorridas em seus modos de vida; identificar quais os impactos promovidos pelas urbanidades no rural no cotidiano dos moradores da comunidade de Santa Maria; entender como tem sido construída a identidade coletiva dos moradores da Comunidade de Santa Maria de Vila Amazônia a partir da concepção de lugar e geograficidade, construídas na geografia cultural humanista. Para tanto, nos pautamos na pesquisa qualitativa por meio do enfoque da abordagem da Geografia cultural humanista na perspectiva metodológica da fenomenologia, utilizando-se de levantamentos e pesquisas bibliográficas e práticas de campo, onde foram realizadas entrevistas com os moradores locais, observação participante e levantamentos iconográficos/fotográficos. Assim, observamos uma comunidade que se caracteriza por múltiplas territorialidades, que criam e recriam lugares, a partir da geograficidade dos moradores, que vivenciam cotidianamente aquele espaço. O lugar aqui ensejado é aquele apresentado pelas ideias de Relph e Tuan, que por sua vez, se basearam na ideia de espaço vivido da obra "O Homem e a Terra", de Eric Dardel. Assim, mostraremos aqui como a fisionomia do lugar na comunidade de Santa Maria influencia e é influenciado pelos modos de vida dos moradores locais.
Abstract: The present work has for base the research realized at community of Santa Maria de Vila Amazônia, located in the rural zone of the county of Parintins. The research had for main objective to understand how the residents from the community of Santa Maria de Vila Amazônia perceive and conceive their lived space in front of the transformations occurred in the community infrastructure. Besides this, as secondary objectives, sought understand how to keep the campesinity between the residents from the community considering the changes occurred into their way of life; identify what is the impacts promoted by the urbanities on rural into the daily of the residents from the community of Santa Maria; understand how it has been constructed the collective identity of the residents from the community from the conception of place and geographicity. Therefore, we base ourselves in qualitative research through the focus of the Humanist Cultural Geography approach in the methodological perspective of the phenomenology, using bibliographic surveys and fields practices, with interviews, participating observations and iconographic surveys. Thus, we observed a community characterized by multiples territorialities, that create and recreate places, from the geographicity by the residents, that living daily that space. The place here gave rise is that showed by the ideas from Relph and Tuan, which in turn, based himself in the idea of lived space from Dardel work. Thereby, we will show here how the physiognomy of place at the community of Santa Maria influence and it’s influenced by the ways of life from the local residents.
Palavras-chave: Geograficidade
Urbanidades no rural
Campesinidade
Vila Amazônia
Geographicity
Urbanities on rural
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS HUMANAS: GEOGRAFIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Instituto de Ciências Humanas e Letras
Programa: Programa de Pós-graduação em Geografia
Citação: TAVARES, Anderson de Souza. Geograficidades, urbanidades rurais e campesinidade no modo de vida dos moradores da Comunidade de Santa Maria de Vila Amazônia (Parintins/AM). 2016. 112 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/5404
Data de defesa: 22-Jul-2016
Aparece nas coleções:Mestrado em Geografia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Anderson de SouzaTavares.pdf6,57 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.